Godey’s Lady’s Book

ladies book
The “curious” magazine for ladies of the XIX century Lady’s Book. Maybe the girls need some reference of colours in their dresses. In the February 1850 issue of The Lady’s Book, Louis A. Godey, publisher, declared:
“In 1830, a “magazine of elegant literature was cast, doubtingly, upon the uncertain stream of public favor–its name the Lady’s Book and Louis A. Godey the publisher. It was a novel enterprise at the time, and few thought it would outlive the first year of its nativity. It soon became apparent, however, that its management was in the hands of one who knew the want of the time, and had the tact and taste required for its supply.”

Related Posts with Thumbnails
This entry was posted in History and tagged . Bookmark the permalink.

2 Responses to Godey’s Lady’s Book

  1. Eu sei que não tem nada a ver com o post, mas eu vi que esta lendo “Neuromancer”… Eu queria saber o que você esta achando dessa “versão” do livro? Sabe para eu colocar na listas de “livros que um dia em um futuro não muito distande eu prendo ler”.

  2. Bibi says:

    Bom, eu empaquei porque não peguei mais para ler, mas termino esta semana. Estou gostando do livro: cheio de idéias, visões de futuro e referências. Engraçado ver como vários filmes se inspiraram nas idéias de William Gibson. As notas de rodapé também ajudam.
    Ah, claro, o começo é meio pesado, porque tem informação depois, mas depois de um tempo você pega o ritmo e o livro flui.
    Se você gostou de alguns dos famosos filmes de ficção dos anos 80, de Matrix ou outros leia mesmo. De qualquer forma é um livro interessante para ler.

Comments are closed.